NOTÍCIAS

Músicos do Caprichoso estão empenhados na produção das toadas do CD 2019

O Boi Caprichoso mantém o cronograma de trabalho para 2019

21 de fevereiro de 2019 Parintins Amazonas Terra Folclore Geral


Fotos: Divulgação




O melhor CD de todos os tempos do Boi-Bumbá Caprichoso, “Um Canto de Esperança para a Mátria Brasil”, com repertório de toadas de alto nível e qualidade musical, está em fase de produção no Estúdio ABM, em Manaus, desde o dia 15 de fevereiro. O trabalho dos músicos é acompanhado diretamente pelo presidente do Caprichoso, Babá Tupinambá, dentro de um cronograma estabelecido pela diretoria e Conselho de Artes para preparação musical da trilha sonora até 15 de março.
A produção começou com a gravação da percussão de surdos, caixas e repeniques em 22 toadas quando os músicos entraram em estúdio. O produto fonográfico do Caprichoso leva a assinatura de experientes produtores musicais do Festival Folclórico de Parintins: Neil Armstrong, David Assayag, Labamba, Sidney Rezende e Paulinho Dú Sagrado. “Antes de entrarmos em estúdio, passamos duas semanas no processo de pré-produção, escrevendo arranjos de metais e de cordas”, diz Neil.
Os músicos Márcio do Boi Jonédson Ramos (Baleinha), Vitorhugo Morais, Luan, Chumbinho, Batista, Léo Zagury e Viviane gravaram a percussão no repertório do CD 2019. “Ficou muito bom o resultado do trabalho, bem ajustado, muito balanço e padrão Caprichoso, muito melhor que ano passado. A gente já percebe algumas músicas em uma pegada muito boa, somente com percussão, sem harmonia, teclado, metal. As toadas de galera cresceram muito e pudemos sentir a força de cada uma delas”, avalia Armstrong.
A partir dessa semana, os produtores musicais do Caprichoso estão dedicados à gravação de cordas: violões, charangos, contrabaixos e teclados, entre instrumentos. “Esse ano, temos a volta do Aléx Pontes, porque fazemos um resgate de músicos importantes e o presidente Babá dá oportunidade para todos. Ele grava, junto com o Arlen Barbosa, e a levada dele é a cara do Caprichoso. Tivemos a participação do Reina Cardoso, junto com o Labamba em estúdio nessa primeira etapa”, revela o produtor.
Estão confirmados os metais de Recife, Pernambuco, com a participação do músico Ênio Pietro, na trilha sonora do Caprichoso “Um Canto de Esperança para a Mátria Brasilis”. Uma das novidades é a participação dos músicos parintinenses Pit Souza e Cirleane Souza nos vocais das toadas. Outras surpresas são preparadas pela diretoria do Caprichoso para inserir no CD 2019. “Estarmos mais fortes do que nunca nas nossas toadas, a um passo de conquistar o tricampeonato”, assegura o presidente Babá Tupinambá.

LEIA TAMBÉM

29/6/19 Caprichoso mostra superioridade, boi técnico e emocionante na primeira de apresentação

“Do Caos à Utopia”. Essa foi narrativa do espetáculo apresentado pelo Boi Caprichoso


29/6/19 Na busca pelo tri, Caprichoso exalta figuras femininas

‘Um canto de esperança para Mátria Brasilis’ foi a escolha do bumbá para a apresentação das três noites do Festival


24/6/19 Fé e emoção marcam chegada de alegorias do Caprichoso na concentração

A primeira alegoria levada para a concentração do Bumbódromo foi o módulo, com Nossa Senhora do Carmo, do artista Makoy Cardoso


24/6/19 Boi Caprichoso festeja São João e leva multidão às ruas de Parintins

Uma multidão tomou conta das ruas de Parintins para brincar com o Boi Caprichoso


23/6/19 Boi Caprichoso recepciona caravana do Movimento Marujada

Reforço saiu de Manaus para a disputa do 54° Festival de Parintins







Festival 2020: 26, 27 e 28 de junho



ASSOCIAÇÃO CULTURAL BOI-BUMBÁ CAPRICHOSO
Todos os direitos reservados - boicaprichoso.com