A Terra é Azul 2000
18 toadas 722 votos 107,193 acessos



Mura, Munduruku

As estrelas não pareciam tão distantes
Quando a flecha mura rasgava o céu
Munduruku, Munduruku

Belo porque raro
Eterno porque arte
Muito mais que ornatos de penas
Mais que cantos e ritos
Muito mais que das glórias, seu clã existia
Ativos, bravos e sanhudos
Implacáveis Paikcés
Eternos combatentes dos Mura
Mura

Na silenciosa canoa
Segue o filho das águas
Veloz e invisível
Bravio, impiedoso, guerrilheiro da floresta
Flecha que desliza errante
Para sua batalha de infinitas luas

Mura
Apenas o grito das águas
Que entrega em tempo o seu murmúrio
Por que o tempo florescerá a outra história
Abrigará, decerto, uma outra luta
Recriará no tempo outra verdade

Mura, Munduruku

Guerreiro Mura
Guerreiro Munduruku
Eternos inimigos

GLOSSÁRIO INTERATIVO:

MURA: Tribo indígena da Amazônia


Toadas & Letras de 2000
A Terra é Azul Sublime Paixão Negro da América O grito das águas Misterioso Kuraca Yukatã, a flor da manhã Eu quero te amar Galope da Vaqueirada Cobra Grande Mura, o príncipe das águas Brasis Ameríndios Prisma do Desejo Velas Brancas Dessana Paruiaté-Rã Luz da Comunhão Lua Branca Cantos de Guerra Instrumental
OUÇA NOSSAS MÍDIAS
Deslize as imagens para os lados e toque/clique na mídia escolhida
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique
Clique

Baixar mídia

As toadas disponíveis são para divulgação cultural, audição pessoal e sem fins lucrativos. Não está permitida reprodução integral ou parcial das obras em quaisquer meios, sem prévio e expresso consentimento, seja da ACBBC* ou dos próprios compositores.

Festival 2018: 29 e 30 de junho, 01 de julho


ASSOCIAÇÃO CULTURAL BOI-BUMBÁ CAPRICHOSO

ORGULHOSAMENTE CABOCLOS DE PARINTINS, DO AMAZONAS, DO BRASIL

Parintins: Rua Silva Meireles, 1645 - Centro
69.151-280 +55(92) 3533-4676

ACBBC © Todos os direitos reservados - boicaprichoso.com